Fotógrafo viaja pelo mundo para capturar a beleza das mulheres ruivas

Por Redação Virgula
20/03/2017

Elias, da Irlanda

Reprodução/Instagram Elias, da Irlanda

Enquanto ruivos são muito associados a países como Irlanda e Escócia, o fotógrafo norte-americano Brian Dowling, que agora vive em Berlim (Alemanha), decidiu viajar para fotografar 130 pessoas ruivas de 20 países diferentes para seu projeto, o Redhead Beauty.

O ruivo é a cor de cabelo mais rara do mundo e é causada por uma mutação genética conhecida como MC1R, que afeta cerca de 1% da população mundial. Essa mutação genética também pode afetar a tolerância de uma pessoa à dor, à luz solar e a capacidade de seus cabelos ficarem cinzas. Quem tem cabelos ruivos, fica loiro ou com o fios extremamente brancos quando envelhece.

Para conseguir montar um livro com suas fotos, ele está fazendo uma campanha de financiamento coletivo no site Kickstarter.

Veja a galeria

você tem que ler